Menina negra é encoberta em propaganda, e família presta queixa contra escola

Menina negra é encoberta em propaganda, e família presta queixa contra escola

Após uma menina negra ter sido encoberta na propaganda de uma escola divulgada nas redes sociais, a família da garota de 10 anos de idade decidiu registrar um boletim de ocorrência contra a escola em questão, alegando que a menina foi tampada da propaganda de forma proposital. O caso está atualmente sendo acompanhado e investigado pelo 7º Distrito Policial.

No registro feito, o pai da criança relatou que estava na casa de amigos, quando a filha viu publicação que foi feita no perfil oficial do Colégio Domus Sapiens. No entanto, o anúncio que antes contava com quatro meninas, foi visto na rede social com apenas três meninas, sendo estas brancas, e a garota negra, que não aparece.

Grupo de notícias no Whatsapp
As últimas notícias você recebe em nosso grupo de Whatsapp.

Na arte em questão que foi publicada nas redes sociais, ainda constava um texto escrito que na escola, não é somente estudar, mas também criar laços de amizade, frase atribuída à Paulo Freire.

De acordo com o relato do pai da garota de 10 anos, a família acabou recebendo mensagens de indignação em relação a publicação feita pela escola.  A escola então foi informada pelos parentes da aluna a respeito do fato que ocorreu, e logo a imagem foi removida das redes sociais do colégio.

Após isso, uma nova imagem foi publicada na rede social, este não contava com a arte feita pela escola, e aparecia a menina negra de 10 anos de idade. O delegado responsável pelo caso agora irá ouvir todos os envolvidos no caso nos próximos dias. O colégio alegou em nota que não foi intencional o ato de retirar a menina da propaganda em questão.

Fonte: G1