Bolsonaro pede aos caminhoneiros para que não entrem em greve

O presidente da República Jair Bolsonaro fez um apelo aos caminhoneiros relativo à greve do setor, cujo início está marcado para a próxima segunda-feira (1º).

Assista ao vídeo e aprenda a fazer a deliciosa sobremesa "Marido Gelado"

De acordo com o presidente, o Governo Federal está procurando formas para reduzir o Pis/Cofins relacionado ao diesel, o que causaria a redução de preço do combustível. Entretanto, segundo a fala de Bolsonaro, buscar alternativas para isso não é fácil.

O presidente da República ainda afirmou durante a sua fala que reconhece o valor dos caminhoneiros para a economia brasileira de uma forma geral e pediu explicitamente para que eles não entrem em greve, visto que toda a sociedade perderá caso isso aconteça. Posteriormente, ele voltou a ressaltar a dificuldade de encontrar uma solução para o problema.

É possível afirmar que as falas de Jair Bolsonaro foram feitas logo depois que o presidente se reuniu com Paulo Guedes, o atual ministro da Economia. A greve, por sua vez, é uma resposta ao aumento de 4,4% no preço do diesel.

Wel Teodoro

Wel Teodoro é formado em exatas. Sua grande paixão é produzir conteúdo relevante para os internautas. Escrever era um hobbie, hoje, se tornou sua profissão. Apaixonado por empreendimentos online, ele está sempre estudando e buscando novos conhecimentos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *